LEIA MAIS
"> Ser Pai - Ingah
15 49.0138 8.38624 https://www.ingah.com.br arrow 0 none 1 Seu e-mail foi enviado Ocorreu um problema! Tente novamente Novo Quente! Promo cookie-true 600

Ser Pai

Ser Pai

Eu queria escrever um texto sobre – ser Pai, mas às vezes o texto não vem. Parece um parto, a ideia está ali, mas a gente precisa esperar algo acontecer para o texto sair.  Pensava nisso enquanto dirigia. Era noite e eu passava por uma avenida movimentada. Dobrei uma esquina e avistei, há poucos metros, um motociclista com a luz de alerta ligada, acenando com as mãos para os veículos desacelerarem. Só consegui jogar o carro para a pista da esquerda e o ultrapassei.

Alguns metros à frente, entendi o motivo da sua ação. Vi um gato estirado no asfalto, se contorcendo em uma poça de sangue. O motociclista estava ali, tentando encontrar uma forma de proteger e talvez salvar aquele animal. Tudo isso aconteceu em três segundos. Passei, desviei, vi a cena e continuei meu trajeto pensando que eu poderia ter feito algo para ajudar. Demorei e quando me dei conta já estava longe demais.

Depois de alguns minutos, aquela cena triste me trouxe o texto sobre – ser Pai. Não posso afirmar se aquele motociclista é pai, mas posso dizer que há nele uma das mais fortes características da paternidade: O Cuidado. Logo quando tive meu primeiro filho, descobri este zelo pelo corpo e a mente do outro. Esta vontade de que a vida do filho, em sua completude, não seja debilitada por nenhuma adversidade interna ou externa. Existem muitas outras características da paternidade, mas essa sempre me chamou atenção em especial. Mais do que o desejo, o esforço para que vida do filho seja preservada de forma integral. Mais do que isso, o prazer de ver o corpo e a mente da criança, do adolescente, do jovem e do adulto se desenvolvendo para atingir todo seu potencial. Faz parte do anseio do pai presenciar isso acontecendo com seus filhos e de zelar para que nada de destrutivo corrompa aquele ser.

Acredito, ainda, que ser pai pode ser mais que isso. Acredito que este cuidado pode sair do microcosmo familiar, do zelo pelos filhos e netos, para se estender a qualquer corpo e mente alheia. Ser pai pode se estender aos amigos, aos conhecidos e desconhecidos. Ser o pai que cuida deveria ser tarefa inata do homem pelo outro, seja o outro um ser humano, um animal, uma planta ou um planeta inteiro. Ser pai é ter o olhar que passa e ultrapassa o sentimento de empatia e vai até a ação de cuidar com o risco da própria vida. Talvez o motociclista não saiba, mas ali ele estava sendo Pai.

Feliz Dia dos Pais para todos aqueles, que pais (ou não) sabem ver com empatia e cuidado, o corpo, a mente e alma do outro.

Por Lucas Pedro

0 Comentários

Deixe uma resposta

Compra pra mim!

E-mail Preview

Você gostaria de comprar este presente pra mim? :)

Comprar agora!

Opções

E-mail Settings

X
%d blogueiros gostam disto: